Blog

10 dicas para melhorar a segurança interna de um condomínio

image1 (5).jpg

Por mais que seja utilizada toda a tecnologia disponível em sistemas de segurança, e mesmo com um excelente treinamento de todos os envolvidos na proteção patrimonial e pessoal, algumas situações corriqueiras e cotidianas podem colocar todo um planejamento de segurança em cheque. Em um condomínio, local de grande circulação de pessoas de diferentes origens e com diferentes objetivos, situações delicadas podem ser evitadas com atitudes que, muitas vezes, quando esquecidas, podem desencadear graves problemas de segurança. Aqui separamos 10 dicas de atitudes bastante usuais que, muitas vezes, desencadeiam um processo de insegurança se volta.

1 - portões eletrônicos – espere que eles estejam fechados antes de entrar ou sair com o carro;

2 – visitas – o melhor é não liberar nenhuma visita, permita sempre que o porteiro entre em contato para avisar sobre algum visitante;

3 – amigos de vizinhos – não use de boa fé para deixar entrar uma pessoa que se diz amiga ou conhecida de um vizinho seu;

4 – visitas para os funcionários do condomínio – pode parecer antipático, mas não permitir visitas a funcionários é uma maneira de inibir mais um público de circular pelas dependências do condomínio e a possibilidade da observação de como tudo se passa por lá;

5 – árvores e lixeiras – cuidado com sua localização, pois quando próximas a muros ou cercas podem facilitar a entrada de estranhos, diminuindo a altura ou a dificuldade de acesso e servindo de degraus;

6 - muros – muros altos são uma barreira para a observação da rotina dos moradores; isso pode ser complicado em algumas situações, mas, na maioria das vezes, trazem segurança mesmo;

7 – chaves- não dê as chaves de sua casa para ninguém, mesmo parentes próximos; eles podem perdê-la ou expô-la de alguma forma que talvez possibilite a insegurança, melhor evitar;

8 – luzes - deixar as luzes acessas à noite sempre inibe importunações; 9 – carros com vidros escuros- o melhor é não permitir que carros com vidros escuros e fechados entrem ou saiam do condomínio, já que você não sabe quem está lá dentro;

10 – entregadores – uma das medidas mais polêmicas dentro de um condomínio refere-se à autorização ou não da entrada de entregadores, sobretudo de refeições, até a porta da casa dos moradores. O ideal é não permitir essa entrada e fazer com que os moradores peguem suas encomendas na portaria; essa atitude parece até um pouco antipática, mas já evitou muitos transtornos.

Cada condomínio tem suas particularidades e todas devem ser consideradas nas questões de segurança. Contudo, essas situações corriqueiras, quando observadas, podem auxiliar todo o sistema de segurança patrimonial, garantindo a preservação de pessoas e patrimônios.